terça-feira, 15 de novembro de 2011

Simbolismo

Trago meu cigarro
Tenho o meu carro
Nem me acho tão bizarro
Bebo minha cerveja
Não gosto de igreja
E assim que vou levando
Tenho muitas amizades
Brincar não tem idade
E acho que tenho a felicidade
Não quero ser professor
Tiro onda de doutor
E me afasto de toda dor

Ah eu queria me desligar
Eu quero parar
Tenho que para de me estragar

Pensar no futuro é o que todo mundo quer
Seja homem ou seja mulher
Nada de me apegar
Meu espirito é livre quero voar
Eu tenho a chance de melhorar tudo
Tenho que ser mas sisudo
Me concentrar nos estudos

Ah eu queria me desligar
Eu quero parar
Tenho que para de me estragar

Um final feliz para todo mundo
Para o rico e para o imundo
Não quero contar com a sorte
Quero escapar da morte
Essa não é minha vida
Mas uma experiência não vivida
So tomando a experiencia devida

Ah eu queria me desligar
Eu quero parar
Tenho que para de me estragar