sexta-feira, 28 de junho de 2013

Canção do Suicídio

Desculpa por não ser o filho perfeito
Sou ser humano tenho muitos defeitos
Eu tento ser o melhor
Mas no fundo estou sendo o pior
As vezes eu penso na vida
Cambaleando vou nessa estrada sofrida
Desejo talvez morrer
Egoísmo da minha parte não querer sofrer

E se nada der certo ?
Se não tiver o sentimento aberto
Sinto o fim tão de perto

É lenda o que vejo no filmes
Tanta mentira na televisão
Amor sexo ciume
Tão infeliz nessa rota de colisão
Ah é tudo em vão
Para que tanta preocupação ?
Se não sairemos
Mesmo se eu for o melhor pra ti

E se nada der certo ?
Se não tiver o sentimento aberto
Sinto o fim tão de perto

O que resta é minha fé
Me mantém de firme de pé
Que a vida me dê surpresas boas
Não me deixe tão atoa
E que eu possa provar teu encanto
Enxugando meus prantos