domingo, 7 de setembro de 2014

Yemanjá

Em seus braços eu fui rei
Rainha das águas eu te amei
Cor bela azul do céu
Meu amor não é tão frágil quanto o papel
O amor pela branca me fez escravo
Quero me deliciar com seu favo
Leva em tuas mãos tudo de ruim
Maré alta traz meus sonhos enfim
Se em Cuba tu é preta
Meu coração gosta e te aceita
Te presentearei com perfume e espelho
Pescador pesque a felicidade por inteiro
Homenageei-o a ti dia 2 de fevereiro
Junto com a morena bela do Rio Vermelho
Abençoa  e fica perto de mim
Cuida e preteja me assim...